Bolsas para estudar fora

Com o fim do Ciência sem Fronteiras, muita gente entrou em pânico, achando que a oportunidade de estudar fora já era. Mas calma – não precisa surtar! Há muitas outras opções. E para poder te ajudar, eu compilei aqui várias bolsas de estudo, tanto para a Holanda como outros países.

 

bolsas-estudar-fora

 

Uma coisa que é legal esclarecer de cara: o governo brasileiro não é a única instituição a dar bolsas para estudar fora. Fundações e governos de outros países também pagam para que estrangeiros possam estudar lá. Confere aqui:

 

1. Orange Tulip Scholarship

Essa é a principal, e a primeira bolsa que você deve olhar para a Holanda. A OTS é uma bolsa gerenciada pelos escritórios da Nuffic Neso (Netherlands Education Support Offices, NESO) espalhados pelo mundo. Seguem os detalhes do programa, retirados do site oficial:

 

 OTS Brazil 2017

  • +80 bolsas de estudo exclusivas para brasileiros
  • 35 institutos participantes
  • Níveis de estudo: Graduação, Pós-graduação (MBA e Mestrado)
  • Cursos nas áreas de: Artes, Ciências Biológicas e  Saúde, Exatas, Tecnológicas e Humanas
  • Beneficios de até 50.000 Euros em anuidades + ajuda de custo
  • Inscrições até 01/04/2017.  Atenção: Diferentes universidades podem ter diferentes prazos. Fique atento ao prazo estabelecido pela universidade que você está se candidatando e finalize o processo de admissão para o OTS até a data limite definida pela instituição (que pode ser antes ou depois de 01/04). 

 

Requisitos 

  • Possuir apenas cidadania brasileira (quem tiver cidadania européia não pode participar)
  • Excelente desempenho acadêmico;
  • Ter obtido o grau necessário para cursar o programa desejado (bacharelado requer diploma de ensino médio; mestrado requer diploma de bacharelado);
  • Não estar atualmente estudando ou trabalhando na Holanda;
  • Ter fluência escrita e oral em inglês (certificado de proficiência será exigido)
  • Estar atualmente no processo de admissão ou já ter sido admitido em alguma instituição de ensino superior participantes do programa.

 

Prazo: 01/04 mas as universidades possuem diferentes prazos. É bom ficar ligado para não marcar bobeira.

 

Maiores informações no site da Nuffic Neso.

 

 

2. Bolsas de cada Universidade

Nesse post você pode tanto ver a diferença das universidades de pesquisa e de ciências aplicadas holandesas, como ter uma lista completa de todas elas. A maioria oferece bolsas de estudo para não europeus que tenham um excelente desempenho acadêmico. Se você decidir ir para uma universidade de pesquisa, há apenas 13 instituições. Então, como nem todas vão ter o curso que você quer, realmente dá para olhar com calma uma por uma e fuçar o site até compilar o que te interessa. Alternativamente, você também pode usar o site da Nuffic para fazer as buscas aqui. Tenho amigos que conseguiram bolsas excelentes diretamente com as universidades, então eu sei que o negócio funciona, vai por mim.

E essa dica não é válida somente para a Holanda não! Se você está muito afim de estudar em determinada universidade, confere lá no site dela se não há bolsas para estrangeiros. Vale a pena tentar.

 

international students

Estudantes internacionais na Holanda (Foto: Tilburg University)

 

3. Holland Scholarship

logo Holland Scholarship

O Holland Scholarship é um programa de bolsas de estudo financiado pelo Ministério Holandês da Educação, Ciência e Cultura e pelas universidades holandesas de pesquisa e ciências aplicadas. Esta bolsa destina-se a estudantes de fora do Espaço Econômico Europeu (EEA) que querem cursar bacharelado ou mestrado na Holanda.

Valor da bolsa

O valor da bolsa de estudos é de € 5,000. Tenha em mente que a anuidade para não-europeus pode variar de 7 a 15 mil euros por ano. Portanto essa bolsa não cobre tudo, mas é uma ajuda.

 

Requisitos

  • Ser nativo de um país não membro da EEA (The European Economic Area);
  • Atender todas exigências e requisitos de admissão da universidade da sua escolha.
  • Verificar diretamente com a universidade do seu interesse se ela é participante do programa
  • Não possuir diploma emitido por uma universidade holandesa

 

Como se candidatar?

Você pode se candidatar ao Holland Scholarship entrando em contato com a universidade holandesa da sua escolha. Veja as listas abaixo.

Universidades de Pesquisa

Universidades de Ciências Aplicadas

 

A seleção dos candidatos, a definição do prazo para registro,  assim como o anúncio dos contemplados serão feitos pela própria universidade, em contato direto com o estudante.

 

Prazo: Pode variar entre fevereiro de 2017 a 01 de maio de 2017. Então corre lá!

Mais informações no site da Nuffic Neso.

 

 

 

4. Fundação Estudar

Foi criada por Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira, para desenvolver o potencial de jovens talentos que desejam transformar o Brasil. Essa fundação é também a criadora do portal Estudar Fora, que é uma das melhores fontes sobre o tema.

A bolsa que eles oferecem tem um processo seletivo mais chatinho, composto por 7 etapas, que variam de testes lógicos, entrevistas, painel com ex-bolsistas entre outros. Entretanto, não há nenhuma restrição em relação a cursos, países ou universidades. Para quem quer estudar fora e está achando difícil encontrar uma bolsa para a área ou universidade, vale a pena tentar.

 

É importante frisar que há uma taxa de inscrição. R$ 70,00 (setenta reais) para programas de graduação e intercâmbio e R$ 140,00 (cento e quarenta reais) para inscrições nos programas de pós-graduação.

 

Requisitos

  • Jovens brasileiros de até 34 anos, de todos os cursos, que apresentam excelência acadêmica
  • O candidato deve estar em processo de aceitação, matriculado ou cursando o ensino superior em uma das quatro categorias de bolsa:
  1. Graduação completa no Brasil
  2. Intercâmbio acadêmico de graduação ou duplo diploma no exterior
  3. Graduação completa no exterior
  4. Pós-graduação no exterior

 

Valor da bolsa

Definido de acordo com o perfil de cada candidato, a duração e o local do curso, e condição familiar, profissional e socioeconômica. Pode variar de 5 a 95% em relação ao valor solicitado pelo candidato, e é definido ao fim do processo seletivo.

 

Maiores informações aqui.

 

 

Para onde você quer ir?

Para onde você quer ir?

 

 

5. Erasmus+

erasmus

 

Antes chamado de Erasmus Mundus, o Eramus+ é um programa da União Europeia com mais de 30 anos de existência. Ele visa a abranger a parceria entre estudantes e instituições da Europa e o resto do mundo. O Erasmus+ possui programas de bolsas de estudos tanto na graduação quanto pós graduação. Abrange intercâmbios, e mestrados/doutorados plenos no exterior. Além disso, há uma lista de mestrados de iniciativas próprias, com bastante coisa legal. Alguns inclusive possuem muita mobilidade, e você passa um semestre em cada lugar. Vale a pena fuçar o site do programa inteirinho e conferir todas as iniciativas.

 

Além de programas de estudo, também há oportunidades de voluntariado e estágios.

 

Prazo: fique ligado nos editais e chamadas postados regularmente.

Mais informações no site do Eramus+.

globex-rentals

 

 

6. CAPES, CNPQ

Essa aqui vai para quem só quer tentar estudar fora em geral. Se você quer tentar com o nosso governo, a Capes e o CNPq sempre tem algum edital rolando. Eles são mais focados em pós graduação, geralmente para doutorado e pós doutorado. Nesse exato momento há um edital aberto no CNPq de doutorado (pleno e sanduíche), pós doc e estágio sênior rolando.

Prazo:  01/03/2017

Mais informações no site do CNPq e da Capes.

 

 estudar

 

Importante!

Para você ser admitido em qualquer universidade, você precisa se candidatar a ela também. Aqui eu relatei somente os processos para as bolsas de estudo. Em paralelo (ou até antes, se você puder), você vai precisar se candidatar à universidade que deseja.

E deu para perceber que se você quiser estudar na Holanda, o site da Nuffic Neso vai ser o seu melhor amigo, né? Fuce aquele site inteiro como se a internet fosse cair no dia seguinte. Garanto que vai esclarecer muitas dúvidas. :)

Eu tentei reunir os principais meios de se conseguir bolsas de estudos tanto para a Holanda como para outros países. Estudar no exterior não é necessariamente algo inatingível se você souber aonde procurar.

Tem algum programa que você conhece e eu não mencionei? Manda aí nos comentários. Quem está doido para estudar fora agradece. :)

2 responses to “Bolsas para estudar fora”

  1. Thaisse disse:

    Um dos requisitos para o OTS Brazil é “Estar atualmente no processo de admissão ou já ter sido admitido em alguma instituição de ensino superior participantes do programa.”… Isso quer dizer que não dá mais tempo de se inscrever em 2017? A pessoa interessada já deveria ter te inscrito no processo de admissão d universidade que deseja ingressar?

    • Paula Cristina disse:

      Oi Thaisse!
      O processo da OTS é somente para a bolsa, por isso que eles requerem que você já tenha se inscrito para a universidade. Eu recomendo olhar o curso que você quer, mas geralmente a papelada é a mesma em ambos os casos. Então de repente você consegue mandar a inscrição para a universidade em um dia, e para a OTS no outro. Respeitando os prazos, não tem problema. Agora fica meio apertado, mas eu já fiz processo de admissão em menos tempo, então sei que é possível! Boa sorte! :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *